sábado, 7 de novembro de 2009

Novo orkut é uma bagunça.


Assim como todo mundo eu também tava ansiosa pra ver o novo orkut. Um amigo me convidou e resolveu meu problema. Mas gente. Que koo, viu.

Pontos positivos

- Posso mudar a cor e finalmente deixar meu orkut pink.
- Posso ver uma miniatura de quem me visitou. Isso me ajuda a não retribuir visita de gente feia.
- Posso comentar em coisas que antes não poderia, como frases, vídeos, etc.

Ou seja, quase nada.

Pontos negativos

- Mostra pouquissímas informações de perfil, minha e dos outros.
- É uma luta redimensionar a foto do perfil.
- A foto das pessoas que comentam na minha página dimimuiram drasticamente.
- É um saco achar minhas comunidades.
- Não tem mais link pra responder recados na minha página
- Sabe aquela barra a esquerda de cada perfil com links pra adicionar, criar depoimento, ignorar, denunciar e etc? MOR-REU.
- As miniaturas dos álbuns também dimunuiram horrores. Dá nem mais gosto abrir um álbum.
- Se eu for ficar listando tudo não vou acabar mais.

Ai, mas isso não é o pior. Quem me conhece sabe que pra mim uma coisa pode até não funcionar lá essas coisas, mas se for bonito passa. Acontece que esse novo orkut tá FEIO.

Olha só que bagunça. Eu tô no meu perfil e ele mostra o layout novo.




Daí eu clico em "mais" e "mais informações do perfil" e o que acontece?



Layout velho, oi.


Enfim, tá feinho, bagunçado, com navegação piorada e com lay "híbrido" (pra não dizer pior).




Não curti, seu Orkut. Beijocas.

6 pitacos:

Mikhaell De Alencar disse...

éeeee vérdadi!

disse...

Tá parecendo o facebook.

KaKaLy disse...

ODIEI O NOVO ORKUT o.O

KaKaLy disse...

PESSIMO, HORRIVEL esse novo orkut... odiei =/

Aline disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bob disse...

SE EU TE CONTAR QUE AGORA NEM MUDAR PRA VELHA VERSÃO ELES ESTÃO DEIXANDO MAIS? Acho isso uma falta de respeito! Se caso você perder o seu orkut e quiser criar outro, NÃO PODE MAIS VOLTAR PRA VERSÃO ANTIGA, já fica AUTOMATICAMENTE na versão BOSTANOVA (y) ISSO É RIDICULO!

Postar um comentário